Carlos Mélo

BIOGRAFIA

Carlos Mélo é artista visual. Suas obras transitam entre vídeo, fotografia, desenho, instalação, escultura e performance em uma investigação sobre o lugar que o corpo ocupa no mundo. Através de anagramas e ações performáticas o artista aproxima imagens e palavras praticando um contorcionismo semântico. Busca fazer convergir o corpo em situações de interação com o entorno e quadros conceituais que o sugerem definido de modo relacional operando simultaneamente um resgate de aspectos da formação cultural brasileira. Idealizou e realizou a 1ª Bienal do Barro do Brasil, Caruaru (2014). Participou de exposições coletivas como a 3ª Bienal da Bahia, Salvador (2014); no Krannert Art Museum, University of Illinois, Champaign, EUA (2013); no Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães, Recife (2010 e 1999); no Itaú Cultural, São Paulo (2008, 2005, 2002 e 1999); dentre outras. Realizou exposições individuais na Galeria 3+1, Lisboa, Portugal (2010); no Paço das Artes, São Paulo (2004); e na Fundação Joaquim Nabuco (Recife, Brasil, 2000). Ganhou o Prêmio CNI SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas (2006). Vive e trabalha em Recife.

000