Lucas Simões

SOBRE / OBRAS / ARTIGOS / EXPOSIÇÕES

 

BIO

Catanduva – SP, 1980, vive e trabalha em São Paulo 

Lucas Simões é um artista com uma formação em arquitetura e urbanismo. Sua experiência como arquiteto resignificou seu fazer artístico e abriu novos caminhos de pesquisa. Na arquitetura, ele diz, “que é parte técnica e parte humana, o desenho é mais do que um desenho, é uma intenção de que algo concreto se realize através de um processo de construção.” Esta perspectiva influenciou sua aproximação do processo de desenho ao processo construtivo de seu trabalho, resultando em interferências e esculturas. 

Com grande inventividade, Simões usa materiais como mapas, livros e fotografias, os quais ele então dobra, corta e desconstrói em novas formas. “Nos meus trabalhos”, ele explica “a materialidade do suporte é importante. Este processo de aproximação do suporte como matéria é feito através de experiências, como queimar, cortar, distorcer, borrar, diluir, que em extremo, podem destruir o objeto”. 

Em todos seus vários experimentos, feitos em muitas camadas, criando distorções, sua intenção é de intervir em objetos ou imagens que carregam significados, e assim criar uma nova representação que oscila entre beleza e estranhamento, movimento e profundidade. “existe uma certa perversão nisto, em modificar o significado”. Ele diz “O estranho me fascina, e fazer isto se tornar belo é ainda mais interessante”. 

(por Tristan Manco, in “Raw + matérial = Art”- Ed. Thames and Hudson, Inglaterra)