News

Vida Nova

Rodrigo Bueno // de 21 de Novembro a 11 de Janeiro

A primeira individual do artista paulista Rodrigo Bueno, o idealizador do singular ateliê Mata Adentro, na Galeria Emma Thomas apresenta um novo desdobramento de sua pesquisa sobre o atrito entre Cultura e Natureza, a tensão entre a racionalidade e a irracionalidade, o ataque implacável das plantas, da umidade habitada por fungos, traças e cupins sobre os cadeiras, sofás e os vários objetos com que povoamos as nossas casas com a finalidade de obtermos conforto e aconchego. A vida prossegue, adverte Rodrigo Bueno, e não será a placidez das paredes cuidadosamente pintadas, como as paredes da sala de uma galeria, capaz de impedir esse fluxo. A coautoria de traças e fungos em imagens icônicas da pintura trazem ao espectador parte da pesquisa do ateliê Mata Adentro, que enfatiza a força da natureza reivindicando seu espaço.

Rodrigo recolhe objetos ou partes de objetos abandonados em depósitos ou em esquinas à espera dos caminhões de lixo, para despertá-los, devolve-los à vida, fazendo com que neles rebentem plantas, folhagens vivas e reluzentes, até então adormecidas pelos processos industriais. Suas obras celebram o fato de que, afinal, não há morte, mas transformação contínua, encadeamento de estados e transmutações.

Agnaldo Farias