News

Todas As Quedas

Marcio Banfi // de 31 de janeiro a 9 de março de 2013

Todas as quedas foi desenvolvida a partir de duas séries de trabalhos: “Crises Controladas” apresenta desenhos em grafite, onde volumes de cabelos formam composições únicas há muito tempo iniciadas pelo artista. A outra série é uma seqüência de fotografias, intitulada “Caça Palavras”. As costas do artista são retratadas com jogos de caça palavras carimbados na pele. Esta série é um desdobramento da performance apresentada por ele na mostra Verbo de Arte Performativa, da Galeria Vermelho, em 2010. A seleção traz ainda, uma pequena instalação e uma série de objetos escultóricos.

Banfi desenvolve sua pesquisa em temas como identidade e corpo, e especificamente nesta exposição, os relaciona com a noção de passagem de tempo. Sobre a simbologia de um corpo desfeito em partes, Banfi reflete: “A passagem de tempo é uma consequência do existir. Se existe um corpo, esse corpo envelhece. Seja ele qual for, desde o corpo humano, até objetos, ruas, etc.”

Os materiais utilizados pelo artista refletem esse percurso e vêm em forma de cabelo, pelos, pele e dentes. Embora os trabalhos tragam características grotescas, esse dado é justaposto aos aspectos de irreverência e bom humor, ambivalência que aparece em situações de amor romântico retratadas com os materiais.